Aumentar a conversão é a tarefa mais frequentemente ambicionada por donos de e-commerce. Muitos são os fatores que influenciam nas conquistas de elevadas taxas de conversão.

O processo de otimização da taxa de conversão (CRO, Convertion Rate Optimization) inclui diversos procedimentos que devem ser testados exaustivamente, visto que nem sempre as mesmas otimizações de um site funcionam em outro. O design é um desses processos essenciais.

Mais do que cores e layout, o design representa o conjunto de elementos que caracterizam uma marca como única e exclusiva, tornando-se um forte componente de impacto no que diz respeito a aumentar a conversão de uma loja virtual.

Acompanhe o nosso artigo e veja de que forma ocorre esse impacto do design para aumentar a conversão no e-commerce.

A influência do design na experiência de compra

Quando falamos de e-commerce, a função primordial do design é realizar um trabalho focado no usuário, procurar compreender suas necessidades e desejos, pois é o usuário o componente vital de um processo que visa aumentar a conversão de uma loja. É preciso se colocar no lugar dele para entender o que deve ser aprimorado e quais problemas precisam ser resolvidos.

Assim como todo o inbound marketing é direcionado à experiência do usuário, o design também sai de sua zona limitada do visual e direciona seus esforços para o UX Design (User Experience), procurando entender o tom de voz de cada marca, qual texto é interessante estar dentro de cada botão, como apresentar tal finalidade etc.

De acordo com Pedro Carriço, designer da Profit-e, o trabalho do designer torna-se cada vez mais importante, visto que o design aplicado se torna conceitual, otimizando recursos que atinjam seus objetivos. Isso inclui pensar no que precisa ser mostrado com mais ou menos destaque, a linguagem que será usada de acordo com cada público-alvo. É preciso ter um entendimento maior do negócio, não apenas a questão estética.

O objetivo do design é eliminar qualquer impedimento entre a visita do usuário, a entrada dele na loja e a finalização de uma compra. O papel do design é permitir que esse caminho seja feito da forma mais natural possível para o cliente entender como se faz uma compra naquele site e conseguir concluir sua jornada.

6 dicas de design para aumentar a conversão

Confira agora 6 dicas com cases de sucesso em que o design foi otimizado para aumentar a conversão no e-commerce.

1. Imagens grandes

Estudos mostram que 75% dos usuários listam a qualidade das imagens dos produtos é a característica mais importante dentro de um processo de compra. Usar imagens grandes e de qualidade normalmente é um fator decisivo para aumentar a conversão. Elas permitem que o cliente visualize o produto mais detalhadamente.

2. Botão de Adicionar ao Carrinho

Muitos não dão a ele a devida atenção, mas o botão de adicionar ao carrinho é simplesmente o elemento que vai determinar se a pessoa vai ou não colocar o item ao seu carrinho de compras. Aspectos a considerar são a cor, o formato, o tamanho, o texto, a visibilidade, a facilidade de clicar e a velocidade de carregamento.

Um exemplo de como a simplicidade do botão pode também fazer a diferença é a loja de moda Selfridges, que usa um botão de cor contrastante com o restante da página, chamando muito a atenção do cliente.

3. Função Autocomplete

A caixa de pesquisa é outro elemento importante em um site de e-commerce, principalmente quando se tem uma variedade enorme de produtos. É comum, porém, que o usuário não utilize as palavras-chave corretas ou cometa erros de digitação enquanto realiza uma busca, tornando sua pesquisa ineficaz.

Para evitar esse tipo de erro e aumentar a conversão, é interessante colocar uma função de Autocomplete na caixa de pesquisa. Assim, quando o usuário começar a digitar alguma palavra, aparecerá as opções para ele escolher e ser direcionado à página correta.

A ShopStyle é um exemplo de loja com um eficiente mecanismo de autocomplete em sua barra de pesquisa, oferecendo muitas opções de palavras-chave.

4. Pré-visualização do produto

A pré-visualização permite que os visitantes visualizem os detalhes do produto sem precisar recarregar a página. Os detalhes são dispostos em uma janela pop-up na página em que o visitante se encontra. Um bom exemplo de como a pré-visualização pode ser eficaz para aumentar a conversão é a loja de roupas American Eagle.

5. Vídeo

O vídeo tem se mostrado uma das principais mídias dos últimos anos quando o assunto é aumentar a conversão no e-commerce. Algumas lojas estão investindo nisso, embora seja mais caro e trabalhoso que o tradicional método de imagens e textos.

O vídeo aumenta a conversão porque mantém a pessoa engajada, chamando a atenção imediatamente. A Boosted Boards é um case de loja que aumentou suas conversões com o uso de vídeos em seu site.

6. Mobile Design

Que a mobilidade está em ascensão contínua não é novidade, mas não é apenas nas redes sociais e em canais de comunicação. O e-commerce também tem visto um crescimento enorme nos dispositivos móveis.

Natalia Benites, da Shopfácil, sabe muito bem disso. No último Black Friday, sua loja teve um impulsionamento nas vendas devido à versão mobile que lançaram. É fácil entender esse aumento na conversão visto que a maioria dos usuários possuem smartphone e estão acostumados a realizar diversas operações pelo dispositivo, incluindo compras online.

Algumas coisas simples melhoram a experiência no mobile. Botão “comprar” sempre à vista, imagens grandes, poder mudar a imagem arrastando para o lado, na hora do checkout ter a sensação que a pessoa não vai precisar preencher uma ficha de cadastro grande. Tudo isso melhora a experiência.

A relação entre design e conversão

Como vimos, o design, quando focado na experiência do usuário, está intrinsecamente ligado à conversão de um e-commerce.

Mas é importante frisar que cada loja pode ter resultados bastante diferentes de acordo com as suas próprias características e público-alvo. Portanto, não basta imitar o que já fizeram outras lojas, é preciso realizar muitos testes. O teste A/B é importante para saber o que realmente está funcionando.

É necessário pensar em como cada etapa do funil pode ser melhorada, como cada dispositivo pode ser otimizado para aumentar a conversão.

Algumas outras dicas práticas de design que podem aumentar a conversão:

  • cadastro simplificado: precisa ser o mais enxuto possível para o cliente não ficar com preguiça de preencher. Dar a opção de logar com conta do Google ou Facebook é sempre uma boa alternativa;

  • página do produto: é interessante ter as informações mais importantes sem que o cliente precise dar um scroll. A imagem do produto deve ficar em destaque, além de informações como preço e forma de pagamento;

  • botão de comprar: o botão mais importante deve sempre ficar em destaque e no primeiro plano da página;

  • resultado de busca: criar bons filtros de navegação. Quanto mais adequado for o que você mostrar para a pessoa — o ideal seria mostrar exatamente o que ela está buscando —, melhor será a navegação dela.

Case da Profit-e: Honey Be

A Honey Be é uma loja de moda fitness que tem tido bastante sucesso na otimização realizada em seu site para aumentar a conversão.

A alteração do design começou com a hipótese de que deveria ser melhorada a seleção de SKU mobile, tornando a navegação mais fácil e orientada para a experiência ágil proporcionada pelos dispositivos móveis.

Os usuários que retornam ao site geralmente conseguem entender mais facilmente o processo de compra e passam rapidamente da página de produto para a finalização do pedido sem dificuldades. Novos usuários, porém, ainda encontram dificuldades para efetuar uma compra.

Entre as barreiras enfrentadas estavam:

  • o zoom: consumidores clicando nas fotos de produto tentando aumentar a imagem;

  • seleção de cores: muitos usuários não utilizam bem a seleção, mostrando que falta clareza de informação entre as possibilidades de seleção de múltiplas cores;

  • como comprar: não fica claro para o usuário que esta janela possui uma navegação interna.

Com as melhorias sugeridas — aumentar a foto do produto, alterar o texto para que as informações fiquem mais claras e usar indicadores de navegação —, a conversão mobile teve um acréscimo de 34,64%. O total de transações cresceu 89%. Nas páginas de produto, a loja teve um acréscimo de 25% na receita e 47% no percentual de transações.

Quer aumentar a conversão da sua loja e ter uma experiência semelhante? Entre em contato com a Profit-e agora mesmo!

Profit-e
Escrito por Profit-e